Arquivo da tag: Haute Couture

A Chanel entra na discussão e diz sim ao casamento gay na França!

Padrão

Sempre um clássico nos desfiles de alta costura, a Chanel levou mais uma vez ao Grand Palais, em Paris, toda a força e poder que a maison ainda ostenta, mesmo em tempos com ou sem crise. Assim, no cenário de uma floresta Karl Lagerfeld apresentou suas criações e, a exemplo do que fez a revista Elle francesa, levantou a bandeira a favor do casamento gay na França encerrando o desfile com duas modelos de mãos dadas e vestidas de noivas.

Chanel-alta-costura

Abaixo, o vídeo produzido pela própria Chanel mostrando um pouco dos bastidores de seu desfile de alta costura:

 

Anúncios

Dior haute couture

Padrão

 

 

A semana de alta costura de Paris é única, incrível. Há sempre muito o que se ver (e sobre o que comentar) seja das pessoas que se vê nas ruas, próximas ou não aos locais onde ocorrem os desfiles, seja das próprias coleções apresentadas. Sobre estas é impossível não olhar de forma diferenciada e não comentar nada acerca do desfile de alta costura primavera-verão/2011 da Dior.

O luxo, a grandiosidade e tudo aquilo que aprendemos a definir como haute couture sempre se mostra presente nas criações de John Galliano. Ele é o grande criador de roupas feitas mesmo para fazer sonhar. Por vezes o próprio Galliano parece sonhar demais na espécie de devaneio fashion que acredito tomar conta dele e inspirá-lo ainda mais em sua genialidade. Se por um lado suas criações se mostram em alguns casos tão distantes do mundo real, só podendo ser concebidas para a passarela, por outro o designer parece ter o poder de conseguir traduzir, de alguma forma, os desejos mais incontidos das mulheres que amam a Dior.

Em mais uma semana de alta costura francesa o Musée Rodin foi hoje novamente o cenário do desfile da Dior, que veio inspirado no trabalho do famoso ilustrador italo-francês René Gruau (papa da ilustração de moda e amigo pessoal de Christian Dior)  servindo de ponto de partida para John Galliano que concebeu uma coleçãode ares retrô, bem anos 50.

A cintura marcada, as saias amplas e os decotes “bustier” exemplificam bem a inspiração 50´s e foram os pontos fortes dessa coleção onde o vermelho-alaranjado veio misturado ao bege, ao azul-cinza, ao verde esmeralda e até mesmo ao marrom em looks grandiosos e cheios de muito luxo e glamour, característicos da mulher Dior. Haute couture pura!

Este slideshow necessita de JavaScript.

The look: Anna Dello Russo no desfile de alta-costura da Chanel

Padrão

Anna Dello Russo esteve entre a seletíssima platéia do desfile de alta-costura da Chanel apresentado hoje em Paris e como sempre arrasou no look. A poderossíssima editora chefe da Vogue Nippon compareceu ao local do fashion show usando um modelito full black. É verdade que o referido look não é de todo chamativo se comparado àqueles que a mesma costuma usar em suas aparições nas temporadas de moda, mas em se tratando de Anna Dello Russo, nem um modelito pode ser simples ou normalzinho demais. Desta vez o grande detalhe da produção de Anna ficou por conta dos calçados: um par de botas em camurça feitas para causar mesmo. Ela pode, convenhamos!

 

 

Fotos: Reprodução

Paris haute-couture: Dior, fall-winter 2010

Padrão

Assisitir a um desfile de alta-costura da Maison Dior é sempre um convite ao sonho e ao encantamento e em se tratando da coleção de inverno 2010 sonho e encantamento são palavras que a definem muito bem, pois se mesmo diante da expectativa pessimista diante da economia global John Galliano conseguiu transportar o público para um mundo a parte durante a apresentação de sua haute-couture 2009, o mesmo se deu desta vez.

Luxo, opulência, feminilidade, tudo isso esteve bem presente na passarela da Dior que apresentou sua coleção em uma enorme tenda montada nos jardins do Museu Rodin, em Paris. Os looks vieram cheios de cor, inspirados nas formas e no colorido das flores, basta notar os cortes em formatos que lembram pétalas que em conjunto formam as saias e os corpos de alguns vestidos. Pura magia! Roupas que podem ser consideradas como que jóias raras, cuidadosamente trabalhadas resultando em uma peça única. Nada de sutilezas e tudo de grandiosidade!

Quanto às cores, outro encantamento. Mais uma vez a comparação com o colorido das flores torna-se evidente. Efeitos em tye-die trouxeram um ar primaveril para uma coleção de inverno. E para quem poderia continuar com os brados de que a alta-costura morreu, Galliano deixa o recado: a alta-costura continua mais viva que nunca e, em se tratando da Dior, cor, glamour, exageros, enfim, VIDA, são adjetivos mais do que marcantes e apropriados.

Por fim, fica a deixa: Moda pode ser comparada às obras de arte? Para alguns não, para outros (entre os quais eu também) sim. Mas questionamentos e conceitos a parte o certo é que cada criação de alta-costura da Dior lembra em muito uma tela pintada a óleo onde cada traço, cada forma e coloridos são únicos. Na verdade, coleções assim nos levam a um escapismo diante da realidade e nos fazem pensar que estamos diante não apenas de um desfile de moda, mas de um desfile sobre a moda.

  

  

  

Fotos: Ana Clara Garmendia

Paris haute-couture: Chanel, winter 2010

Padrão

 

Mais uma vez o Grand Palais como local, mais uma vez um cenário maravilhosamente exagerado, mais uma vez a genialidade de Karl Lagerfeld.

Luxo, poder, celebração, grandiosidade: tudo isso é Chanel e nem se fazem necessários maiores comentários sobre. O momento, o cenário, o encantamento do público que assiste ao evento, dizem tudo!

Vídeo: Reprodução

Tavi: a blogueira mirim que alcançou o limbo fashion em Paris

Padrão

O show da alta costura da Dior em Paris (apresentado no último dia 27.01), que sempre consegue nos transportar para um mundo de sonhos, como sempre foi maravilhoso, mas se os looks desfilados estavam incríveis, quem roubou a cena mesmo foi a blogueria mirim (já virei fã dela!) Tavi (foto ao lado), que sentada à primeira fila causou com o seu inusitado adereço usado na cabeça: um enorme laço que deve ter atrapalhado a visão e irritado bastante aqueles que se sentaram atrás da menina…

Aos que não a conhecem, segue uma breve apresentação: Tavi é uma garota norte-americana de apenas 13 anos e que conseguiu alcançar o posto de superstar dentro do universo fashionista graças ao seu amor pela moda, a forma como ela se aprorpia dela e ao seu blog. Editores e estilistas têm andado atrás da jovem e devido a isso, não à toa, ela se tornou carinha conhecida nas primeiras filas dos grandes desfiles, como o de haute couture da Dior, além de ter tido o seu rostinho estampado na capa da Pop Magazine, coisas que não são para qualquer um, convenhamos.

Recentes boatos estão dando conta de que ela deverá ser a responsável pela cobertura de moda para a Pop e isso poderá ocorrer já nesta temporada de alta-costura. Embora tudo seja apenas expeculação, a capacidade de Tavi para exercer o cargo não é de se duvidar. Quem sabe, em um futuro próximo, não veremos o nome da menina figurando entre as grandes editoras de moda do planeta fashion???

Tavi, toda poderosa na primeira fila da Dior com o seu “mimoso” lacinho na cabeça. Esta era a visão de quem sentou atrás dela. Adorei!

 

Fotos: Reprodução

Revivendo a alta-costura

Padrão

Looks importantes de grifes estreladas são o foco de um editorial fotografado por Patrick Demarchelier que estará na edição de setembro/09 da Vanity Fair no editorial “Toujours Couture, uma espécie de revival da alta-costura.

Os ateliês de couture foram os cenários escolhidos, onde as maravilhosas criações de maisons como Chanel e Dior são apresentadas, como que se estivessem acabando de serem criadas, tais como um vestido Chanel que aparece sendo bordado no corpo da modelo, a nossa top Caroline Trentini (fotos abaixo).

 

 couture-0909-pp01couture-0909-pp03

À esquerda, Doutzen Kroes com um modelo de 2001 de Jean Paul Gaultier. À direita, Carol Trentini vestindo um modelo da coleção de primavera-verão 1997 da Chanel.

 

couture-0909-pp02

Carol Trentini e o maravilhoso vestido bordado Chanel.
 

couture-0909-pp05couture-0909-pp06

Carol Trentini em dois looks da Dior. O da esquerda, com a ampla saia de tule, foi em comemoração aos 60 anos de alta-costura da maison. O da direita, da coleção de primavera-verão 2007/2008.
 

Fotos: Reprodução