Arquivo da tag: Gareth Pugh

Melissa Ultra Girl + Gareth Pugh

Padrão

A Melissa continua as suas parcerias de sucesso unindo a marca ao nome de designers hypados do mundo fashion. Desta vez é com Gareth Pugh, nome conhecido e muito querido entre a nova geração de estilistas que primam pelo estilo conceitual. Com seus 29 anos, o estilista é hoje considerado um dos nomes mais promissores de sua geração. Disputadíssimo por marcas e revistas de moda, teve seu nome citado por Hilary Alexander do Daily Telegraph que escreveu: “Parece que todos querem um pedaço de Pugh“.

E se todos querem mesmo o seu pedacinho a Melissa garantiu o seu a atrvés do lançamento da edição especial Melissa Ultragirl com estampas exclusivas assinadas por Gareth, estampas inspiradas nos looks da primeira coleção do estilista apresentada em Paris no ano de 2009.

O modelo Melissa Ultragirl já teve um lançamento durante o Fashion Rio e será mostrado também no SPFW.

Fotos: Reprodução

Anúncios

Uma verdadeira profusão de grifes no novo clipe de Beyoncé

Padrão

 

Uma verdadeira profusão de marcas bombadas do planeta fashion, é o que se pode (também) dizer do clipe de “Run the world (girls)” de Beyoncé. A cantora veste seis vestidos, sendo dois deles de alta-costura. Os looks são assinados por grifes como Givenchy, Jean Paul Gaultier, Emilio Pucci, Alexander McQueen e Gareth Pugh.

Se para a cantora quem manda no mundo são as mulheres, certamente acerca da sua visão é possível inferir que elas o fazem usando roupas de grifes estreladas mundialmente, ou então, se quisermos divagar um pouco mais sobre a questão, as mulheres ao mandarem no mundo, bucam conseguir tal intento se apropriando de marcas luxuosas que irão criar a imagem que elas (as mulheres) pretender passar de si mesmas para os demais.

Paris FW, S/S 2011: Gareth Pugh

Padrão

 

Assim como ocorreu na coleção de outono-inverno/09, Gareth Pugh troca a passarela por um vídeo incrível, cheio de ocultismo, para apresentar a sua coleção de primavera-verão /2011 dentro do calendário oficial da semana de moda de Paris.

 

Vídeo: Reprodução

Alexandre Herchcovitch e suas criações para o verão 2010/11

Padrão

 

Assim como já falei e mostrei aqui acerca do vídeo que mostra o genial Gareth Pugh em um dos seus momentos de criação, trabalhando na concepção de um modelo de sua coleção de primavera-verão 2010, eis mais um vídeo do gênero. Desta vez é outro incrível e talentoso designer que nos presenteia com a sua criatividade: trata-se de Alexandre Herchcovitch (vídeo acima) desenhando um dos modelos de sua próxima coleção de verão 2010 e que deverá ser desfilada logo na SPFW.

Vídeo: Reprodução

Raquel Zimmermann + Gareth Pugh e a moda em ação

Padrão

Fazendo uma espécie de diálogo entre dois mundos, ou algo do tipo criador e criatura, os vídeos abaixo mostram de forma bem divertida e curiosa a top Raquel Zimmermann de peruca preta e usando um vestido de Gareth Pugh arrasando ao som de “Poker Face” de Lady Gaga. O outro nos presenteia com cenas do designer Gareth Pugh em um dos seus momentos de criação cortando uma peça de roupa sobre o molde, alías, me parece que é o vestido que Raquel está usando em sua performance, modelito full black todo brocado que me parece ser da coleção de primavera-verão/2010 de Gareth!

Paris FW fall-winter 2010/2011: Gareth Pugh

Padrão

O frio da noite parisiense reservou aos convidados no segundo dia de Paris FW a apresentação da coleção do festejado estilista inglês Gareth Pugh, queridíssimo na França e um dos meus favoritos por suas criações conceituais.

O desfile de verão 2010-2011 de Gareth apresenta continuidade e rupturas com o que se viu em sua última coleção de verão. Se os tons escuros de cinza e preto, bem como algumas das formas e dos volumes, apareceram como permanências, a pegada mais comercial desta coleção foi o que de mais aparente ficou e se configurou como a principal ruptura no trabalho do jovem estilista. O designer usou muito couro, malha e correntes, mas de uma maneira bem suave, sem as conotações pesadas que esses materias podem dar a um look. O resultado não poderia ter sido outro: aperfeiçoamento técnico e muito apuro visual. Maravilhoso, como sempre!

Abaixo algumas fotos da coleção e dois vídeos do desfile. Ambos mostrando o clima do evento e reação do público presente ao Palais de Tokio, local do desfile. O primeiro foi feito pela linda Ana Clara Garmendia (Moda Paris). Atenção ao final do segundo vídeo, onde estão registradas as presenças da poderosa Carine Roitfield e do rapper fashionista Kanye West na platéia.

  

  

 

 

Fotos e vídeos: Reprodução

Fashion Rio e as correlações com as passarelas internacionais

Padrão

O Fashion Rio deu ontem o start para a temporada de moda brasileira de inverno 2010 e começou bem, diga-se passagem. Observando alguns looks desfilados, os mesmos me deixaram com uma séria e forte sensação de “eu já vi isso antes”. Me refiro às coleções de Melk Z-Da, Auslander e de Giulia Borges. Algumas tendências e correlações com as passarelas internacionais foi possível estabelecer após ver as coleções dessas marcas, tais como:

Melk Z-Da

Já é conhecido o gosto de Melk Z-Da por criar looks que se aproximam bastante do conceitual através do seu bem interessante trabalho artesanal e por sua pesquisa por novos materiais. Suas criações para o inverno 2010 vieram cheias de volumes e dobras, com formas estruturadas, rígidas, quase uma espécie de armadura. Foi exatamente aí que me veio a comparação com as criações de dois designers que estão entre os meus favoritos: Gareth Pugh e Alexander McQueen.

Em sua coleção de outono-inverno 2009, Gareth levou à passarela looks armados, cheios de volumes e dobras, feitos com couro e até com pelos. E não é que Melk Z-Da no seu inverno 2010 apresentou criações que lembram bastante as de Gareth, no que diz respeto às formas? Já os volumes (e também as formas) dos vestidos de Melk, por sua vez, remetem àqueles que McQueen levou a sua incrível passarela de primavera-verão 2010. As imagens mostram um pouco disso:

 

Melk Z-Da (outono-invero 2010) e Gareth Pugh (outono-inverno 2009)

 

 

Melk Z-Da (outono-invero 2010) e Alexander McQueen (primavera-verão 2010)

 

Auslander

A Auslander veio com uma coleção dark e de forte pegada underground. Cabelos com moicanos, uso de metal, pregos, rostos com makeup branco, visual punk e detalhes que imitavam pelos. Mais uma vez a comparação com o trabalho de Gareth Pugh não poderia deixar de ocorrer, aliás, aqui a semelhança entre as duas criações é enorme. Olhando a malha do look masculino da Auslander, por exemplo, e uma outra beeem parecida que Gareth mostrou em sua passarela de verão 2010 não deixa dúvidas: o trabalho do estilista inglês é sempre uma grande fonte de inspiração. O detalhe que imita pelos nos nos ombros de um dos looks da Aulander remete também fortemente ao trabalho de Gareth. Abaixo estão as imagens demonstrando isso:

 

Auslander (outono-inverno 2010) e Gareth Pugh (primavera-verão 2010)

 

 

Auslander (outono-invero 2010) e Gareth Pugh (outono-inverno 2009)

 

Giulia Borges

E quanto à coleção de Giulia Borges e sua inspiração na figura de boneca, com muitos looks em preto e branco, com amarrações de fitas, peças ao contrário e com aspecto de que ainda estão em construção. Tudo bem interessante. E os looks em xadrez preto e branco??? Lembra bastante Alexander McQueen, novamente ele, mas desta vez quanto a sua coleção fall-winter 2009, certo?

 

Giulia Borges (outono-inverno 2010) e Alexander McQueen (outono-inverno 2009)

 

Fotos: Reprodução