Arquivo da tag: Balenciaga

Gisele Bündchen de cabelos curtíssimos!!!

Padrão

Balenciaga-Gisele-Bundchen-campanha-Inverno-2015

Uma das imagens que mais chamaram a atenção esta semana no mundo da moda foi o da top Gisele Bündchen de cabelos curtíssimos para a campanhas do Outono/Inverno 2015 da Balenciaga.

A imagem foi divulgada na última sexta-feira (27.06) em primeira mão pelo WWD. É tão realista que muita gente chegou a pensar que a modelo teria realmente cortado o cabelo. Mas na verdade, não foi isso que aconteceu. Segundo o estilista Alexander Wang, diretor criativo da marca, todo o processo foi resultado de efeitos especiais. Ainda segundo Wang o seu trabalho na Balenciaga tem como objetivo fazer as coisas de um jeito diferente e inovador. Assim, nada melhor do que mostrar a beleza de Gisele sob uma ótica diferente. Fotografada por Steven Klein, a imagem chama a atenção não somente pelo cabelo curto de Gisele, mas também por mostrar uma visão em 360 graus do local, por meio de um jogo de espelhos, criando um ambiente ainda mais intrigante. Polêmicas à parte em torno do visual de Gisele, uma coisa é certa: a Balenciaga marcou um forte ponto e conseguiu chamar a atenção do público com mais essa campanha.

Anúncios

Um pouco das melhores campanhas de moda de 2012

Padrão

Com 2013 chegando, que tal relembrar as campanhas de moda que marcaram este ano? Grandes fotógrafos, modelos e marcas se empenharam para criar trabalhos recheados de imagens, criatividade e inovação. Entre tantas campanhas legais, não é tão simples escolher as melhores, assim, selecionei nas imagens abaixo algumas das que mais me agradaram.

O que acharam?

Este slideshow necessita de JavaScript.

Maria Antonieta repaginada na Vogue US de abril/2012

Padrão

A eterna top Kate Moss é a estrela de um ensaio fotográfico especial para a edição de abril da Vogue norte-americana. A modelo inglesa posou para as lentes de Tim Walker, um dos mais queridos fotógrafos das modelos internacionais, encarnando a figura da lendária Maria Antonieta, só que repaginada para os dias atuais, mas sem perder características marcantes da nobre da corte francesa do século XVIII.

Aliás, o clima de ostentação e de alto luxo, marcantes da nobreza daquela época, foi bem trabalhado tanto nos looks que Kate Moss usa para as fotos, quanto com relação à locação escolhida para o ensaio, nada mais e nada menos que o pomposo Hotel Ritz, em Paris, e suas suítes decoradas no estilo realeza.

Quanto aos looks, Kate foi clicada usando haute couture Valentino, Chanel, Christian Dior, Alexis Mabille, Alexander McQueen, Givenchy, Balenciaga, Armani Prive e Giambattista Valli. O styling ficou a cargo de Grace Coddington.

Abaixo algumas imagens do ensaio:

Moda, arte e suas relações íntimas

Padrão

Eu já escrevi um post aqui no blog onde discorri brevemente sobre as relações íntimas que existem entre a moda e as artes plásticas. Essa relação já vem de longe e continuam a pontuar as coleções. Exemplificando esse relacionamento, as últimas coleções de verão internacionais desfiladas recentemente, são uma boa demonstração disso.

Estampas que parecem ter sido copiadas de pinturas famosas, chamam a atenção por sua beleza e seu impacto, tanto visual quanto emocional, semelhante ao que as obras de arte causam nas pessoas. A fonte de inspiração dos designers de moda é, na maioria das vezes, algo bem pessoal e pinturas e fotografias podem dar vida a cartelas de cores que variam do pastel ao chocante, como visto em coleções de Primavera/Verão 2012 da Semana de Moda de Londres, com ênfase nas criações da estilista Mary Katrantzou, que para mim é a que melhor exemplifica essa relação (fotos abaixo).

Além de Katrantzou, outros designers/grifes que merecem ser citados por conseguirem através de seus trabalhos exemplificar nitidamente a relação entre moda e artes plásticas, são a Balenciaga e Alexander McQueen.

No caso da Balenciaga, essa relação se mostrou bem evidente na coleção de verão/2008, na qual as estampas dos modelos floridos remetiam às pinturas impressionistas de mestres como Monet e Renoir.

Alexander McQueen, merece ser citado pelo uso que fez da arte, sobretudo das pinturas multidimensionais para compor a estamparia dos looks de sua inesquecível coleção Platos Atlantis, em outubro/2009, elevada à vanguarda da moda.

Vamos ver alguns exemplos disso nas imagens abaixo?

Vestido da coleção de verão/2008 da Balenciaga e a inspiração na pintura impressionista aqui representada pela tela Water-Lilies, de Monet.

Look da coleção de verão/2009 de Alexander McQueen e a arte multidimensional do pintor Rassouli e sua tela Silent Echos.

Imagens: Reprodução

Balenciaga e Pedro Lourenço redescobrem a franja para o verão/2012

Padrão

A Paris Fashion Week ainda não acabou e, olhem só, já é possível ver algumas das idéias que estão despontando nesta edição do evento e que, certamente, ainda serão vistas (e muito!) por aí. Quer apostar?

Uma dessas idéias diz respeito às franjas. Pois é, elas já haviam aparecido, mas sem muito alarde, na coleção secreta que Tom Ford lançou no final do ano passado marcando o seu return à moda feminina. Nas coleções de verão/2012 que estão sendo desfiladas em Paris as franjas já foram vistas até agora, magistralmente, nas coleções de Pedro Lourenço e na Balenciaga. Vamos aguardar para ver onde mais elas deverão marcar presença.


Franjas na saia do look criado por Pedro Lourenço e também na Balenciaga

Fotos: Reprodução

Paris FW, S/S 2012: Balenciaga

Padrão

Uma das marcas que sempre está entre a mais esperadas durante a semana de moda de Paris, a Balenciaga apresentou hoje a sua coleção de verão/2012. Nicholas Geschiere continua arrasando no mix de matérias-primas, nas formas e proporções dos looks e, pelo menos na primeira parte do desfile, nos mostrou que aquelas formas bem armadas, características da Balenciaga, foram retomadas nesta coleção.

Maré vermelha no verão 2011!

Padrão

 

Depois da verdadeira febre provocada pelos tons nude, a moda é tomada pelo vermelho em uma onda que vem se mostrando arrasadora. Ela teve início na temporada de lançamentos para o inverno 2011 e vem se mantendo atualíssima para o verão 2011.

O interessante é que a cor foi vítima de preconceitos e xingamentos pesados. Foi chamada, por exemplo, de cafona e vulgar e agora ganha as passarelas e, a partir delas, os desejos consumistas mais ávidos por aquilo que é tendência.

Mas essa rendição à cor não foi um privilégio apenas de marcas como Valentino, que tornou o vermelho a cor fashion no fim dos anos 70 e que encheu suas passarelas com looks vermelhos durante os desfiles de verão/2011 (foto acima). Várias grifes ressuscitaram o tom nos estilos lady, minimalista e 70’s.

Abaixo, algumas mostras de outras grifes, além de Valentino, que apostam na cor:

Jil Sander e Lanvin

 

Louis Vuitton e Marc Jacobs

 

Miu Miu e Balenciaga

 

Fotos: Style.com