Ainda sobre a criatividade nos looks masculinos…

Padrão

No post que publiquei anteriormente a este, falei sobre o fato de a moda masculina não permitir muitas variações e que, por isso, os estilistas precisam investir fortemente nos detalhes a fim de apresentar, a cada estação, algo de novo para o público.

Pois bem, continuado a tratar desse assunto, busquei a partir das criações da Givenchy, John Galliano e Louis Vuitton, dar três exemplos de como os detalhes podem fazer toda a diferença em se tratando de moda masculina. Vamos lá ver?

Givenchy

O uso de retratos na estamparia de camisas e jaquetas, muitas vezes sobrepostas, chamaram a atenção na coleção da Givenchy para o Verão 2013. Essa estamparia não é algo usual, digamos assim, nas produções feitas para os homens e a maison conseguiu renovar peças clássicas do vestuário masculino, como camisas e jaquetas, através do uso de tal técnica. O resultado? Peças desejáveis!

John Galliano

A marca John Galliano aproveitou elementos do vestuário feminino para o verão dos homens, como os maxicolares e chapéus com temática floral. A estamparia foi outro ponto que marcou a coleção, mas como o foco aqui são os detalhes, os maxicolares e os chapéus é que merecem destaque!

Louis Vuitton

A Louis Vuitton também mostrou suas novidades e estas ficaram por conta das bolsas para os rapazes. Os acessórios da grife  costumam sempre aparecer entre os itens mais cobiçados da marca e desta vez não será diferente com bolsas de formas e cores bem ousadas para renovar o guarda-roupas masculino.

Fotos: Reprodução

Sobre L. Borges

Blogueiro ligado em moda e estilo e jornalista nas horas vagas (RSSSSS). A idéia de criar e manter um blog de moda, O "The Fashion View" remete a um projeto da época do curso de jornalismo na faculdade de comunicação social e através dele tenho um canal através do qual posso expressar, livre e independentemente, minhas idéias e impressões acerca de diversos assuntos relacionados ao universo da MODA e que são de meu interesse. Como profissional especializado no meio, vejo e admiro a moda como uma forma incrível de comunicação não verbal que, no atual contexto da chamada pós-modernidade, tornou-se mais do que nunca capaz de revelar gostos, sensações, sexualidade, atitude, personalidade, poder, enfim, a nossa própria identidade, afinal, quem foi que disse que moda diz respeito apenas a roupas e a futilidades?!?

Uma resposta »

  1. Para quem diz que moda é algo fútil, desnecessário, frescura de “patricinhas” que não tem o que fazer, há teóricos que discordam. Moda também é comunicação. A moda é um fenômeno sociocultural que expressa os valores de uma geração em um determinado contexto social, não tem nada de frívolo. É através da moda que o indivíduo se identifica socialmente, ao passo que se diferencia do todo.

Sua opinião é muito importante. Registre aqui o que você achou deste post!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s