Marlene Dietrich: vanguardista fashion

Padrão

Há pouco tempo eu postei aqui no blog algo sobre a androginia na moda. Hoje, em uma sessão de cinema pra lá de especial, estive vendo algumas cenas da alemã Marlene Dietrich, que nos anos 30, foi a primeira atriz a usar roupas masculinas em um filme (“O Anjo Azul” – Der Blaue Engel, 1930),  justamente o filme a que assisti hoje e que imediatamente me remeteu às questões de gênero que sempre permeiam não só o cinema, mas também e, sobretudo, a moda, me inspirando a escrever este post.

No filme em questão, Marlene se apropria de roupas tradicionalmente masculinas, como o smoking, com o intuito de provocar os homens ao erotizar as suas próprias roupas. Ela nem sabia, mas como que profeticamente, estava adiantando uma tendência que hoje é atemporal: a inspiração em looks masculinos para vestir as mulheres. O melhor exemplo dessa “profecia”, ao meu ver, foi o fato de que passados mais de 30 anos após “O Anjo Azul”, Yves Saint Laurent lança o smoking feminino e todo mundo comenta, se choca e se maravilha com a ousadia do mestre.

Imagens de moda são sempre inspiradoras, como inspiradoras o são as imagens de Marlene Dietrich e seu semblante feminino (mas com aquele quê de masculino) com suas sobrancelhas bem finas e o olhar lânguido, certamente um rosto que se eternizou e que tem  muito a ver  com a moda.

Fotos: Reprodução

Sobre L. Borges

Blogueiro ligado em moda e estilo e jornalista nas horas vagas (RSSSSS). A idéia de criar e manter um blog de moda, O "The Fashion View" remete a um projeto da época do curso de jornalismo na faculdade de comunicação social e através dele tenho um canal através do qual posso expressar, livre e independentemente, minhas idéias e impressões acerca de diversos assuntos relacionados ao universo da MODA e que são de meu interesse. Como profissional especializado no meio, vejo e admiro a moda como uma forma incrível de comunicação não verbal que, no atual contexto da chamada pós-modernidade, tornou-se mais do que nunca capaz de revelar gostos, sensações, sexualidade, atitude, personalidade, poder, enfim, a nossa própria identidade, afinal, quem foi que disse que moda diz respeito apenas a roupas e a futilidades?!?

»

  1. Pingback: Estilo Boyish: ouse! « :: The Fashion View ::

Sua opinião é muito importante. Registre aqui o que você achou deste post!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s