Dior haute couture

Padrão

 

 

A semana de alta costura de Paris é única, incrível. Há sempre muito o que se ver (e sobre o que comentar) seja das pessoas que se vê nas ruas, próximas ou não aos locais onde ocorrem os desfiles, seja das próprias coleções apresentadas. Sobre estas é impossível não olhar de forma diferenciada e não comentar nada acerca do desfile de alta costura primavera-verão/2011 da Dior.

O luxo, a grandiosidade e tudo aquilo que aprendemos a definir como haute couture sempre se mostra presente nas criações de John Galliano. Ele é o grande criador de roupas feitas mesmo para fazer sonhar. Por vezes o próprio Galliano parece sonhar demais na espécie de devaneio fashion que acredito tomar conta dele e inspirá-lo ainda mais em sua genialidade. Se por um lado suas criações se mostram em alguns casos tão distantes do mundo real, só podendo ser concebidas para a passarela, por outro o designer parece ter o poder de conseguir traduzir, de alguma forma, os desejos mais incontidos das mulheres que amam a Dior.

Em mais uma semana de alta costura francesa o Musée Rodin foi hoje novamente o cenário do desfile da Dior, que veio inspirado no trabalho do famoso ilustrador italo-francês René Gruau (papa da ilustração de moda e amigo pessoal de Christian Dior)  servindo de ponto de partida para John Galliano que concebeu uma coleçãode ares retrô, bem anos 50.

A cintura marcada, as saias amplas e os decotes “bustier” exemplificam bem a inspiração 50´s e foram os pontos fortes dessa coleção onde o vermelho-alaranjado veio misturado ao bege, ao azul-cinza, ao verde esmeralda e até mesmo ao marrom em looks grandiosos e cheios de muito luxo e glamour, característicos da mulher Dior. Haute couture pura!

Este slideshow necessita de JavaScript.

Sobre L. Borges

Blogueiro ligado em moda e estilo e jornalista nas horas vagas (RSSSSS). A idéia de criar e manter um blog de moda, O "The Fashion View" remete a um projeto da época do curso de jornalismo na faculdade de comunicação social e através dele tenho um canal através do qual posso expressar, livre e independentemente, minhas idéias e impressões acerca de diversos assuntos relacionados ao universo da MODA e que são de meu interesse. Como profissional especializado no meio, vejo e admiro a moda como uma forma incrível de comunicação não verbal que, no atual contexto da chamada pós-modernidade, tornou-se mais do que nunca capaz de revelar gostos, sensações, sexualidade, atitude, personalidade, poder, enfim, a nossa própria identidade, afinal, quem foi que disse que moda diz respeito apenas a roupas e a futilidades?!?

Uma resposta »

Sua opinião é muito importante. Registre aqui o que você achou deste post!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s