Madonna para a Interview Magazine

Padrão

 

 

A mais recente edição da Interview vem ótima e trás ninguém menos do que Madonna como sua grande atração na capa e no recheio da publicação em fotos assinadas por Mert Alas & Marcus Piggott, além de uma entrevista concedida ao diretor de cinema Gus Van Sant.

Entre outras coisas (já estou me deliciando com a revista!) Madonna declara que Seymour Stein (produtor musical) foi uma das pessoas mais influentes em sua vida, profisionalmente falando. Além disso, ao contrário do que se poderia esperar, ela fala muito bem de Sean Penn, seu antigo marido e com o qual viveu momentos difíceis durante a separação. Há também historinhas já bem “batidas”, tais como a de seu professor de balé, Christopher Flynn, o primeiro gay assumido que ela conheceu e que lhe serviu de inspiração para o filme “Filth And Wisdom”.

Histórias e entrevista a parte, o melhor mesmo, particularmente falando, está nas imagens. Apesar de eu ser suspeito para falar, afinal de contas sou fã dela, Madonna aos 51 anos de idade nos mostra o quanto está em ótima forma e cada vez mais linda. Adorei a foto em que ela beija cheia de sensualidade um crucifixo, objeto que se tornou verdadeira marca da artista e um dos acessórios que sempre estiveram presentes de alguma forma em seus looks, músicas e vídeos desde o início de sua carreira e em algumas ocasiões chegando a lhe render muita polêmica por parte das alas mais conservadoras da Igreja Católica (lembram das cenas de cruzes pegando fogo em “Like a Prayer”?). Será que estas fotos também irão polemizar novamente?

Abaixo algumas das imagens e um vídeo com o making off da sessão de fotos:

        

 

Fotos e vídeo: Reprodução

Sobre L. Borges

Blogueiro ligado em moda e estilo e jornalista nas horas vagas (RSSSSS). A idéia de criar e manter um blog de moda, O "The Fashion View" remete a um projeto da época do curso de jornalismo na faculdade de comunicação social e através dele tenho um canal através do qual posso expressar, livre e independentemente, minhas idéias e impressões acerca de diversos assuntos relacionados ao universo da MODA e que são de meu interesse. Como profissional especializado no meio, vejo e admiro a moda como uma forma incrível de comunicação não verbal que, no atual contexto da chamada pós-modernidade, tornou-se mais do que nunca capaz de revelar gostos, sensações, sexualidade, atitude, personalidade, poder, enfim, a nossa própria identidade, afinal, quem foi que disse que moda diz respeito apenas a roupas e a futilidades?!?

Uma resposta »

  1. A única coisa de que não gosto muito são dos braços muito masculinizados da Madonna. Fora isso, diva completa.
    Beijo

    Dani – Formando divas!

Sua opinião é muito importante. Registre aqui o que você achou deste post!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s