NYFW day # 5: Marc Jacobs

Padrão

Agora sim, após ter falado sobre as estelares presenças de Madonna e Lady Gaga na primeira fila de Marc Jacobs, eis aqui o post que eu fiquei devendo sobre a coleção deste que é um dos meus estilistas favoritos.

O 5º dia de NYFW terminou ontem com a apresentação da coleção de primavera-verão 2010 de Marc Jacobs. Talentoso como ele só, Jacobs apresentou looks femininos com referências misturadas a situações diversas, tais como o toque masculino dos casacos militares, bem como a mistura de texturas e sobreposições, sempre resultando em looks ricos e interessantemente pensados para atrair a atenção do público e, sobretudo, da imprensa especializada da qual ele conseguiu ótimas críticas, tais como as de Nicole Phelps, do Style.com.

No universo de inspirações (possíveis) de Jacobs houve espaço para uma espécie de releitura da moda americana anos 80 com uma certa pitada de estética nipônica, levando a algumas comparações a Rei Kawakubo da Comme des Garçons, como alguns citaram (e deixo claro que esta não é a minha opinião. Aliás, nem ousaria especular acerca do que teria inspirado Marc para esta coleção).

Puderam ser vistos na passarela muitos babados em tops, vestidos e calças, além de estampas xadrezes e florais, mas que não denotaram aquele caráter romântico chato à coleção. O lado sexy da mesma ficou a cargo das transparências, recortes e comprimentos.

Abaixo, um pouco da coleção primavera-verão 2010 de Marc Jacobs:

 

00040m 00020m 00480m 00010m 00130m 00240m 00160m 00360m 00280m 00400m 00460m 00510m

 

Fotos: Style.com

Sobre L. Borges

Blogueiro ligado em moda e estilo e jornalista nas horas vagas (RSSSSS). A idéia de criar e manter um blog de moda, O "The Fashion View" remete a um projeto da época do curso de jornalismo na faculdade de comunicação social e através dele tenho um canal através do qual posso expressar, livre e independentemente, minhas idéias e impressões acerca de diversos assuntos relacionados ao universo da MODA e que são de meu interesse. Como profissional especializado no meio, vejo e admiro a moda como uma forma incrível de comunicação não verbal que, no atual contexto da chamada pós-modernidade, tornou-se mais do que nunca capaz de revelar gostos, sensações, sexualidade, atitude, personalidade, poder, enfim, a nossa própria identidade, afinal, quem foi que disse que moda diz respeito apenas a roupas e a futilidades?!?

Sua opinião é muito importante. Registre aqui o que você achou deste post!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s