A “não-sobrancelha” é tendência?

Padrão

Como nasce uma tendência na moda? Aí está uma questão que certamente merece muito questionamento, contudo, a cada temporada as evidências de como as tendências surgem parecem ficar sempre mais claras. Durante os defiles de inverno 2010, por exemplo, assistimos certamente ao surgimento de uma delas: o da “não-sobrancelha”.

Fazendo uma breve retrospectiva das coleções de inverno 2010 constata-se que ao proporem algo semelhente em uma mesma estação, as grifes estão também sugerindo algo que certamente promete virar tendência dentro e fora das passarelas, me refiro às modelos com sobrancelhas “apagadas”, descoloridas ou disfarçadas com a maquiagem. Esse visual foi visto nos desfiles de diversas grifes, mas cito aqui como exemplos mais significativos disso a Balenciaga e a Prada, sendo que nesta última a tendência mostrou-se mais forte (ver fotos abaixo).

Mais recentemente o assunto veio novamente à tona com o New York Times ao tratar das “Razed Eyebrows“, adiantando que o rosto sem sobrancelhas (sejam elam raspadas ou disfarçadam com o make up) promete sair das passarelas e ganhar as ruas.

Outra publicação de peso no seguimento de moda, a Vogue Italia em sua edição de julho/2009, trouxe a top Kristen McMenamy na capa e no editorial “The Legend” (clicado por Steven Meisel), com os cabelos e as sobrancelhas descoloridas, fazendo jus à tendência que começou nas passarelas.

O certo é que por aqui parece que a idéia, que nasce ousada e moderna, ainda não pegou. Será que pega?

Prada1 Prada2

O make up das tops no desfile da Prada (inverno/09): sobrancelhas disfarçadas

 

KristenMcMenamycoversVog

A top Kristen McMenamy na capa da Vogue Italia…

 

Vogue Italia1Vogue Italia2

…e no editorial “The Legend“: cabelos e sobrancelhas descoloridas.

 

Fotos: Reprodução

Sobre L. Borges

Blogueiro ligado em moda e estilo e jornalista nas horas vagas (RSSSSS). A idéia de criar e manter um blog de moda, O "The Fashion View" remete a um projeto da época do curso de jornalismo na faculdade de comunicação social e através dele tenho um canal através do qual posso expressar, livre e independentemente, minhas idéias e impressões acerca de diversos assuntos relacionados ao universo da MODA e que são de meu interesse. Como profissional especializado no meio, vejo e admiro a moda como uma forma incrível de comunicação não verbal que, no atual contexto da chamada pós-modernidade, tornou-se mais do que nunca capaz de revelar gostos, sensações, sexualidade, atitude, personalidade, poder, enfim, a nossa própria identidade, afinal, quem foi que disse que moda diz respeito apenas a roupas e a futilidades?!?

»

  1. Pingback: Chanel Pre-Fall 2011 Paris-Bizance parte 2: detalhes, maquiagem e cabelos « :: The Fashion View ::

  2. Pingback: Será o fim da “não sobrancelha”? « :: The Fashion View ::

  3. Eu adoro as roupas da italia e amo de paixão apesar de eu ser basileira. Amo a Tendência da moda italiana e na minha opinião a moda brasileira tinha que se bonita charmosa e sensual igual a moda italiana.

Sua opinião é muito importante. Registre aqui o que você achou deste post!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s