Masculinidade posta em xeque

Padrão

 

Coleções masculinas da Prada: à esquerda a de verão/08 e à direita a de inverno/09.
Quebra do tradicional modelo de moda masculina

 

Ser homem neste início de anos 2000, no que diz respeito à moda, tem sido uma questão a se discutir. Com coleções inovadoras e concebidas sob uma ótica bem particular e visionária, tais como as da Prada e de YSL, por Stefano Pilatti, a temática da masculinidade foi posta em xeque nas semanas de moda de Milão e de Paris.

O uso de peças típicas do guarda-roupas feminino nas coleções masculinas é algo que já vem ocorrendo há pelo menos duas temporadas nas coleções da Prada e isso pode ser bem exemplificado se lembrarmos da coleção de inverno/2009 da grife. No desfile com a coleção masculina para o verão/2009 foram vistas muitas peças que repetiram o desafio que Miuccia lança acerca dos paradigmas sobre o que vem a ser o homem viril e cheio de poder da atualidade. Fragilidade e poder foram, aliás, um resumo daquilo que a estilista procurou transmitir à imprensa que foi assistir ao seu desfile. As referências femininas presentes em sua coleção puderam ser percebidas através de um jogo de proporções e comprimentos visto nos grandes decotes mostrando partes do tórax e do abdômen dos modelos, nos tricôs de gola canoa com o colo à mostra, nas blusas curtas (deixando ver barriguinha dos meninos!), bem como nas camisas polo compridas, parecendo pequenos vestidos. Mesmo com a polêmica criada em torno desta coleção da Prada a mesma foi o retrato de um homem, segundo Suzy Menkes, do International Herald Tribune.

Stefano Pilatti, para YSL, por sua vez, procurou investir no mesmo conceito: uso de tecidos não usuais às coleções masculinas, tais como crepe em blazeres de abotoamento duplo, organza em blusas e seda em calças. Pilatti buscou, através de sua coleção, sugerir questões existencialistas, tais como: “Quem somos nós além da nossa fisiologia, além das verdades ensinadas pela genética e biologia?” Segundo declaração ao IHT Pilatti queria criar uma sensação, algo bem além de uma afirmação de moda, algo que pudesse mostrar a inspiração que está por trás da criação das roupas. “Sensualidade não é um atributo somente feminino, homens também podem brincar com estes códigos”, concluiu.

 

 

 Grandes decotes em “V” e no estilo “canoa” revelando o corpo masculino no verão/2009 da Prada

 

Jogo de opostos: blusa curta revelando a barriga e camisa polo comprida como um vestido

 

YSL verão/2009: Uso de tecidos não usuais às coleções masculinas

 

Blazer de duplo abotoamento em crepe e calças em seda nas coleções masculinas de YSL

 

 

 

Sobre L. Borges

Blogueiro ligado em moda e estilo e jornalista nas horas vagas (RSSSSS). A idéia de criar e manter um blog de moda, O "The Fashion View" remete a um projeto da época do curso de jornalismo na faculdade de comunicação social e através dele tenho um canal através do qual posso expressar, livre e independentemente, minhas idéias e impressões acerca de diversos assuntos relacionados ao universo da MODA e que são de meu interesse. Como profissional especializado no meio, vejo e admiro a moda como uma forma incrível de comunicação não verbal que, no atual contexto da chamada pós-modernidade, tornou-se mais do que nunca capaz de revelar gostos, sensações, sexualidade, atitude, personalidade, poder, enfim, a nossa própria identidade, afinal, quem foi que disse que moda diz respeito apenas a roupas e a futilidades?!?

Uma resposta »

  1. Pingback: A estética masculina em discusão, novamente! « :: The Fashion View ::

Sua opinião é muito importante. Registre aqui o que você achou deste post!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s